Trem de levitação magnética- MagLev

Por: Ferreoclube   Dia: 15 de dezembro de 2015
Trem MagLev(do inglês: MAGnetic LEVitation) é um tipo de composição ferroviária que não trafega sobre rodas, mas sim por levitação oriunda da reação entre as forças eletromagnéticas geradas na via e o trem. Devido à falta de contato entre o comboio e a via, o único atrito que existe é com o ar, o que permite que as composiçõess MagLev atinjam velocidades enormes, com baixo consumo de energia e pouco ruído. Os trens MagLev ultrapassam facilmente os TAVs convencionais, atingindo velocidades de cerca de 600Km/h.
À direita: Shanghai Transrapid, o primeiro MagLev comercial do mundo.
Embora sua enorme velocidade os torne potenciais competidores dos aviões comerciais, o enorme custo de construção é um fator limitante de peso. A primeira e única linha MagLEv em operação comercial no mundo todo é a do TransRapid de Shanghai, que liga o Aeroporto Internacional de Pudong ao centro da cidade, e percorre o trecho de 30Km em apenas 8 minutos. O Transrapid opera em velocidade comercial de 430Km/h, e atinge máxima de 500Km/h.
Em abril de 2015, o trem MagLev em fase de testes operado pela Central Japan Railway Company bateu o próprio recorde de velocidade ao atingir 603 Km/h. O Japão, juntamente com a Alemanha, é o país que mais realiza pesquisa sobre trens MagLev, e mais apresenta projetos. Um deles consiste na utilização de túneis despressurizados ao longo da VP, o que permitira atingir velocidades de 3.200Km/h.
Trem MagLev japonês que bateu o recorde de 603Km/h da Japan Central Railway.
Existem vários modos de construir-se uma linha férrea MagLev, devido à variedade de métodos utilizados para criar campos magnéticos. O custo das obras é elevado devido ao alto preço de materiais supercondutores e sistemas de refrigeração para instalar em toda a Via Permanente
. Os trens MagLev, apesar do nome, também possuem rodas, que são somente utilizadas em velocidades menores que 100Km/h, por motivos de segurança. Acima desta velocidade, são recolhidas e o veículo trafega somente por levitação magnética.
Trens MagLev parados no pátio.
O Brasil ainda não possui linhas MagLev, mas possui projetos de MagLev. O MagLev Cobra é um trem de levitação magnética desenvolvido na URFJ-Universidade Federal do Rio de Janeiro pela Coppe-Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia e pelo LASUP-Laboratório de Aplicações de Supercondutores. O veículo foi concebido visando uma revolução no transporte coletivo através da alta tecnologia de forma não poluente e de baixo custo para os centros urbanos. Sua velocidade de operação comercial é prevista para a faixa 70-100Km/h, ideal para o transporte coletivo urbano.
Os trens MagLev são uma alternativa bastante eficiente para o transporte ferroviário, devido ao baixo consumo de energia(em alguns modelos) e altamente competitiva, fazendo frente inclusive ao modal aeroviário. Contudo, seus altos custos de construção ainda inviabilizam muitos projetos, que certamente exigirão grandes investimentos iniciais e demorarão para dar retorno. Mas certamente mostram de forma fascinante um dos possíveis rumos que a ferrovia poderá tomar nos próximos anos.Fontes: Ferreoclube(Http://www.ferreoclube.com.br); Wikipédia(Http://www.wikipedia.com.br); Shanghai MagLev Transportation(http://www.smtdc.com/cn/index.html); Japan Central(http://english.jr-central.co.jp/).

Posts Relacionados

Trem Sula Miranda

Postado em: 12 de outubro de 2018

Continuar Lendo

Locomotivas FA1

Postado em: 29 de junho de 2018

Continuar Lendo

Locomotivas RS3

Postado em: 15 de junho de 2018

Continuar Lendo

Locomotivas RS1

Postado em: 1 de junho de 2018

Continuar Lendo