Companhias Ferroviárias do Brasil

Por: Ferreoclube   Dia: 28 de outubro de 2014
Esta lista contém todas as empresas ferroviárias que operaram/operam no Brasil, suas siglas/abreviações e tempo de operação.
De cima para baixo: Logotipos da Companhia Paulista, Estrada de Ferro Sorocabana, Mogiana, E.F. São Paulo a Minas e E.F. Araraquara.
Muitas companhias ferroviárias surgiram no País durante os tempos do Império, sendo posteriormente fundidas nas principais companhias conhecidas dos períodos da República Velha(1889-1930), Era Vargas(1930-1954) e República Populista(1954-1964), sendo estas estatizadas na RFFSA- Rede Ferroviária Federal S.A. em 1956. As empresas estaduais paulistas(Companhias Paulista, Mogiana e Estrada de Ferro Sorocabana) foram fundidas na Fepasa- Ferrovias Paulistas S.A. em 1971. Ambas as empresas foram privatizadas na década de 1990, entre 1993 e 1998 durante os governos Collor e FHC, originando as atuais companhias que hoje operam no Brasil.
Obs: A EFVM-Estrada de Ferro Vitória a Minas sempre foi uma empresa privada, e a EFC-Estrada de Ferro Carajás pertencente à Companhia Vale do Rio Doce, estatal privatizada nos anos 90.
Aqui segue a lista, em ordem alfabética:
A
ALL- América Latina Logística(1997-presente) – Logotipo abaixo
B
BF- Brasil Ferrovias(2002-2006)
C
CFFLB- Chemins de Fer Federaux de l’Est Bresilien (1912-1936)
CBTU- Companhia Brasileira dos Trens Urbanos(1984-presente)
CFN- Companhia Ferroviária do Nordeste(1996-presente)
CMEF- Companhia Mogiana das Estradas de Ferro(1872-1971)
CMSP- Companhia do Metropolitano de São Paulo(1974-presente)
CPEF-Companhia Paulista das Estradas de Ferro(1870-1971)
CPTM- Companhia Paulista dos Trens Metropolitanos(1992-presente)
CTS- Companhia do Transporte de Salvador(2000-presente)
CYEF- Companhia Ytuana das Estradas de Ferro(1873-1904)
À direita: Logotipo da CBTU, subsidiária da RFFSA.
E
EFA- Estrada de Ferro Araraquara(1895-1971)
EFA- Estrada de Ferro Amapá(1953-presente)
EFB- Estrada de Ferro Baturité(1880-1909)
EFB- E.F. Bragança(1884-1965)
EFBM- E.F. Bahia a Minas(1936-1965)
EFC- E.F. Carajás(1986-presente)
EFCJ- E.F. Campos do Jordão(1914-presente)
EFCB- E.F. Central do Brazil(1889-1958)
EFDPII- E.F. D. Pedro II(1858-1889) * Posteriormente EFCB.
EFG- E.F. Goiás(1911-1965)
EFL- E.F. Leopoldina(1874-1975)
EFI- E.F. Ilhéus(1910-1964)
EFMC- Estrada de F. Macaé a Campos(1874-1890)
EFMS- Estrada de F. Mossoró Souza(1915-1950)
EFN- Estrada de F. Nazaré(1875-1967)
EFNNC- E.F. Natal a Nova Cruz(1884-1901)
EFNOB- E.F. Noroeste do Brasil(1914-1957)
EFCOB- E.F. Centro-Oeste da Bahia (1900-1913)
EFOM- E.Ferro Oeste de Minas(1880-1931)
EFPU- E.F. Porto Alegre a Uruguaiana (1885-1898)
EFSF- E.F. São Francisco(1880-1911)
EFSJ- E.F. Santos a Jundiaí(1948-1969)
EFS- E.F. de Sobral(1881-1909)
EFS- E.F. Sorocabana(1875-1971)
EFSC- E.F. Sampaio Correia(1917-1957)
EFSR- E.F. São Paulo a Rio Grande(1913-1942)
EFSES- E. F. Sul do Espírito Santo (1895-1907)
EFVM- E.F. Vitória a Minas(1904-presente)
EFMM- E.F. Madeira Mamoré(1912-1966)
F
Ferroban- Ferrovias Bandeirantes S.A.(1998-2002)
FCA- Ferrovia Centro Atlântica(1998-presente)
Ferroeste(1988-presente)
Ferronorte- Ferrovias do Norte S.A. (1989-2006)
Ferropar- Ferrovias do Paraná S.A.(1997-2006)
Fepasa- Ferrovias Paulistas S.A.(1971-1998)
FTC- Ferrovia Tereza Cristina(1997-presente)
G
GWB- Great Western do Brasil (1901-1939)
M
MRS- Malha Regional Sudeste (1995-presente)- logotipo acima
Metropolitano de Brasília (2001-presente)
Metrofor- Metropolitano e trens urbanos de Fortaleza(1993-presente)
Metropolitano do Recife (1985-presente)
MetroRio- Metropolitano do Rio de Janeiro(1979-presente)
Metropolitano de Porto Alegre(1985- presente)
Metropolitano de Teresina(1989-presente)
CMSP- Metrô de São Paulo, uma das mais conhecidas companhias ferroviárias do País.
N
Novoeste(1996-2006)
A estatal RFFSA que operou por 42 anos em todo o Brasil e a companhia a possuir a maior malha da história do País, tinha seu logotipo inspirado em um AMV(desvio de trilho).
R
RFN- Rede Ferroviária do Nordeste(1957-1975)
RFFSA- Rede Ferroviária Federal S.A.(1956-1998)
RMV- Rede Mineira de Viação(1931-1965)
RVC- Rede de Viação Cearense(1909-1957)
RVPSC- Rede da Viação do Paraná e Santa Catarina(1942-1957)
S
SPR- São Paulo Railway Company(1867-1948)
Supervia(1998-presente)
À direita: Emblemático logotipo em monograma da SPR.
T
TLSA- Transnordestina Logística S.A.(1998-presente)
Trensurb- Trens Urbanos de Porto Alegre(1980-presente)
V
VFCO- Viação Férrea Centro Oeste(1965-1975)
VLI- Valor Logística Integrada(2013-presente)
ViaQuatro(2010-presente)
VFRGS- Viação Férrea do Rio Grande do Sul(1920-1957)
VFFLB- Viação Férrea Federal do Leste Brasileiro(1935-1972)
Imagens: Museu Ferroviário de Jundiaí, Google Imagens, Arquivo do Ferreoclube ®
Autoria:
Ferreoclube ®
Alexandre Valdes
João Rodrigues
Mário Lanza
Lucas Molina
Andrey Fatore
Derick Roney

Posts Relacionados

Trem Sula Miranda

Postado em: 12 de outubro de 2018

Continuar Lendo

Estação Papari

Postado em: 24 de agosto de 2018

Continuar Lendo

E.F. Central do Brasil

Postado em: 4 de maio de 2018

Continuar Lendo

Assalto ao Trem Pagador

Postado em: 20 de abril de 2018

Continuar Lendo